Home Quem Somos Mensagem do Presidente

Mensagem do Presidente da nova Direcção da AASPT

presAASPT.jpgNo dia 9 de Janeiro do corrente ano de 2017, dentro do prazo estabelecido pelos Estatutos, tomaram posse os novos membros eleitos para cada um dos Órgãos a que se candidataram.

Com a tomada de posse, a gestão da AASPT entrou no exercício das suas funções com a regularidade que se impõe e as circunstâncias exigem.

O programa subjacente à apresentação da candidatura teve por objecto continuar a prestar um serviço de qualidade a todos os Associados e aos utentes que utilizam as instalações da AASPT. A Associação já tem uma dimensão física e humana que a caracterizam como entidade de média dimensão, tendo em atenção o fim social que a caracteriza e a que se dedica.

Concebida e criada ao abrigo da então empresa Telefones de Lisboa e Porto (TLP) que posteriormente por fusão veio a ser integrada na Portugal Telecom, sempre quis e sempre se norteou por honrar e prestigiar não somente o nome, como a marca e a qualidade da prestação de serviços desta empresa mãe e das demais empresas suas associadas, as quais em conjunto constituíram um dos maiores, melhores e mais conceituado grupo empresarial do País.
Presentemente, depois das últimas alterações constitutivas e das operações de alienação que ocorreram, a Portugal Telecom, agora conhecida no mercado pela denominação de "MEO", é propriedade e é gerido pela Altice, a cujos membros dos seus corpos gerentes, na pessoa do seu CEO, Eng.º Paulo Neves, aproveitamos para cumprimentar e para lhe declarar o mesmo empenho, a mesma dedicação e o mesmo zelo na defesa dos interesses e do bom nome que pretendemos continue a ter e a ver reconhecido no mercado.

A missão da AASPT é a mesma, a de cumprir o objetivo social de fazer o bem aos seus Associados e demais utentes, proporcionando o lazer e a felicidade possível a quem lutou toda uma vida, e espera agora e tem direito, à dignidade na última etapa da sua vida.

A mensagem do novo Presidente da Direcção, Dr. Manuel Rodrigues, é apenas uma, e que se confunde com a supra referida missão de zelar pelo bem estar de todos os seus Associados, com especial relevância daqueles a quem por razões de idade, de saúde ou de qualquer outra diminuição física, mental ou psíquica, os tenha tornado mais carenciados.

Como já afirmado na anterior gestão, a AASPT insere-se no universo das iniciativas da Sociedade Civil que visam colmatar as lacunas das instituições estatais e empresariais neste campo de actividade, reconhecendo embora que, nestes últimos tempos, algumas novas iniciativas têm sido tomadas e outras se anunciam.

Tem esta AASPT vivido quase exclusivamente dos seus próprios meios, que nestes últimos tempos têm vindo a diminuir, originando algumas dificuldades financeiras. No entanto, estamos cientes de que a qualidade e a excelência dos serviços prestados continuarão a merecer a preferência dos utentes, e deste modo podermos vencer as vicissitudes que forem surgindo.

As empresas e, designadamente, as que ainda integram o ex. grupo da Portugal Telecom, hão-de continuar a reconhecer que a solidariedade continua a ser um princípio de gestão humano nobre e cultural. Tudo quanto os Associados da AASPT fizeram, construíram e deixaram, perpetua-se ainda hoje como um valor empresarial de reconhecido mérito.

A AASPT tem sido e queremos que continue a ser uma entidade orgulhosa da sua existência, e que este seu orgulho seja reconhecido dentro do universo PT e demais entidades que, no dia a dia, com ela colaboram.

É este o desejo da nova Direcção que agora tomou posse.